Greve de ônibus em Curitiba é descartada após acordo

268
Santa Cândida Capão Raso
Foto: Lucília Guimarães/Secretaria Municipal de Comunicação Social
Publicidade

Um acordo entre o Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana (Sindimoc), o Sindicato das Empresas de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana (Setransp) e a Urbanização de Curitiba (Urbs), firmado na quinta-feira (28/04), em audiência na Superintendência Regional do Trabalho no Paraná, descartou a possiblidade de greve de ônibus em Curitiba.

Entre os pontos pactuados na audiência está a definição das datas de pagamento dos funcionários do transporte coletivo, com validade até janeiro de 2023: dia 5 do mês e do vale no dia 20 do mês.

Segundo o Sindicato das Empresas de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana (Setransp) com o depósito dos repasses feitos pela Urbs até quinta-feira (28/04), as empresas de ônibus vão ajustar a situação dos pagamentos atrasados com seus colaboradores. A Urbs informou que os pagamentos estão em dia até 24 de abril e que ainda não foram repassados R$ 2,44 milhões relativos ao vencimento de 27 de abril.

Publicidade
Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui