Moradores do Conjunto Marselha passam a ter ônibus na porta de casa

477
Marselha
Foto: Levy Ferreira/SMCS
Publicidade

Os moradores do Conjunto Marselha, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC), vão contar, a partir de sábado (21/5), com ônibus na porta de casa. A linha 828 Campo Comprido – Capão Raso passa a ter itinerário alterado para as ruas Juvino Ransolim, Jaziel Sotto Maior Lagos e Frei Lívio Panizza, nos dois sentidos.

A novidade é aguardada pela população da região há tempos, mas dependia da abertura da Rua Jaziel Sotto Maior Lagos, obra que foi concluída recentemente pela Secretaria Municipal de Obras Públicas (Smop).

Se antes os moradores da região tinham que percorrer até dois quilômetros para chegar ao ponto de ônibus, agora têm mais conforto e segurança nos deslocamentos, diz Mychelli Esperança, representante do Conjunto Marselha. “Eu tenho filho cadeirante e quando precisava usar o ônibus era um empenho para percorrer a distância”, lembra ela, que reuniu duas mil assinaturas para pedir à Prefeitura a implantação dos pontos de ônibus. “Há também a questão da segurança. Muitos estudantes tinham que andar o longo trecho do ponto anterior até suas casas de noite. Tivemos casos de assaltos e até sequestros”, conta.

Publicidade

“Com a obra, conseguimos viabilizar essa alteração de itinerário da linha C.Comprido/C.Raso para poder atender o usuário da região com menor tempo de deslocamento e mais segurança”, lembra o presidente da Urbanização de Curitiba (Urbs), Ogeny Pedro Maia Neto.

Santiago Aguiar, coordenador de assuntos comunitários da Regional CIC, lembra que essa era uma alteração muito aguardada pela população e que contribui para a segurança, mobilidade e o desenvolvimento local. A abertura da via garantiu a ligação entre as áreas conhecidas como Conjunto Marselha e Vila Sandra. Os serviços para abertura e requalificação da rua alcançaram um trecho de 210 metros da Rua Juvino Ransolim que a partir da intervenção se uniu à Rua Jaziel Sotto Maior Lagos.

Com o pavimento em asfalto, a Rua Juvino Ransolim recebeu completa infraestrutura de drenagem com galerias de águas pluviais, bocas de lobo e meio-fio e calçada. No trecho que faz a ligação com a Rua Jaziel Sotto Maior Lagos o asfalto foi requalificado, passou por serviços de correção geométrica que deixaram a via mais larga, recebeu calçadas em paver (blocos de concreto), com acessibilidade e uma travessia elevada para garantir a segurança dos pedestres.

“A abertura da rua permitiu a integração dos moradores do bairro, garantiu maior conforto, segurança e melhores condições de mobilidade às pessoas”, diz o secretário municipal de Obras, Rodrigo Araújo Rodrigues.

Novos pontos

Por dia útil, 2.154 passageiros utilizam a linha Campo Comprido – Capão Raso, que percorre 26,5 quilômetros em 91 minutos.

A linha ganhou oito novos pontos e a realocação de um ponto na Rua João Dembinski com Frei Lívio Panizza, sentido Terminal Fazendinha. Cartazes foram colocados nos novos pontos informando a mudança do itinerário.

Na Rua João Dembinski, onde foram desativados alguns pontos de ônibus da linha, a população continua a ser atendida pelas linhas 40 Interbairros IV e 720 Fazendinha – Campo Comprido (reforço nos horários de pico).

Alteração de itinerário Linha 828 Campo Comprido – Capão Raso

Mobilidade Curitiba

Siga o Mobilidade Curitiba no Twitter e Instagram e fique informado sobre a mobilidade urbana de Curitiba e Região Metropolitana.

Publicidade

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui