Aeroporto de Foz do Iguaçu triplicará capacidade operacional com conclusão das obras em novembro

O Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu está passando por um amplo processo de ampliação e modernização, previsto para ser concluído em novembro deste ano.

Em visita às obras, o ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, destacou que cerca de 60% das intervenções já foram finalizadas e que as melhorias visam aumentar a comodidade e segurança dos turistas, bem como elevar a qualidade dos terminais aeroportuários brasileiros.

Administrado pela CCR Aeroportos desde 2022, o aeroporto é o segundo mais movimentado do Paraná e o quinto da região Sul. Em 2023, o terminal recebeu mais de 1,8 milhão de turistas, um aumento de 28% em relação ao ano anterior.

Com um investimento de aproximadamente R$ 370 milhões, as obras permitirão triplicar a capacidade operacional do aeroporto, de 2 milhões para 6 milhões de passageiros por ano. Além disso, a pista de pouso e decolagem será ampliada para 2.800 metros, um aumento de 600 metros.

As melhorias incluem intervenções tanto no “lado ar” quanto no “lado terra” do aeroporto. No “lado ar”, estão sendo realizadas a revitalização e ampliação da pista de pouso, adequações na faixa preparada, construção e recuperação de taxiway, instalação de uma bacia de contenção e ampliação do pátio de aeronaves de 8 para 13 posições.

No “lado terra”, as obras incluem a reforma e ampliação do terminal de passageiros, readequação de quatro pontes de embarque, construção de um terminal de cargas internacional e três terminais de cargas domésticos, além da realocação do parque de abastecimento de aeronaves.

Deixe um comentário