Fiscalização do tamanho da bagagem de mão no Aeroporto Afonso Pena começa na quarta-feira, dia 10

A partir desta quarta-feira, dia 10 de abril, a Associação Brasileira de Empresas Aéreas inicia uma ação de orientação aos passageiros do Aeroporto Afonso Pena, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, sobre as regras para uso de bagagens de mão em voos nacionais.

Até o dia 24 de abril, agentes orientarão os passageiros sobre as medidas máximas permitidas das bagagens de mão, apresentando as regras estabelecidas pela Agência Nacional de Aviação Civil.

Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil, qualquer bagagem acima das medidas de 55 centímetros de altura, 35 centímetros de largura e 25 centímetros de profundidade deve ser despachada. O mesmo vale para bagagens acima de 10 quilos.

bagagem de mão tamanhos

A Associação Brasileira de Empresas Aéreas fará a fiscalização usando uma caixa – chamada de gabarito – para medir se as bagagens estão dentro das medidas-padrão. Esse controle será feito antes de o passageiro entrar na área de raio-X para o embarque.

Após o dia 24 de abril, acaba o período de orientação aos passageiros e a fiscalização será intensificada, segundo a Associação Brasileira de Empresas Aéreas.

A partir do dia 25 de abril, os passageiros que tiverem uma mala com tamanho maior do que o permitido será redirecionado ao balcão de check-in de sua companhia, onde terá que pagar pelo despacho da bagagem.

“O objetivo da orientação é agilizar o fluxo dos passageiros nas áreas de embarque, evitando atrasos e trazendo maior conforto para todos os passageiros. As malas fora do padrão precisarão ser despachadas nos check-ins das companhias aéreas, estando sujeitas a cobranças de acordo com o tipo de franquia contratada para a viagem”, informa a Associação Brasileira de Empresas Aéreas.

Quanto custa despachar a bagagem?

Quando o tamanho da bagagem de mão for maior do que a caixa da Associação Brasileira de Empresas Aéreas, o passageiro será obrigado a despachá-la no check-in de sua companhia. E, como consequência, terá de pagar por isso.

Azul

Na Azul, o passageiro que opta pela categoria Azul, onde ele paga mais barato pela passagem na comparação com a categoria Mais Azul, poderá escolher pela compra ou não do serviço de bagagem despachada.

Em ambas as categorias, o passageiro poderá incluir 1 mala de até 23 quilos ou mais malas, a qualquer momento, a partir de R$ 60,00 pelos canais digitais ou Call Center e a partir de R$ 120,00 no aeroporto.

Caso o passageiro ultrapasse a cota de 23 quilos ou as dimensões máximas permitidas, será cobrado R$ 220,00 por mala no aeroporto. Mais informações sobre as bagagens despachadas estão disponíveis no site da Azul.

Avianca

Na Avianca, para quem compra a franquia de bagagem até seis horas antes do voo paga R$ 60,00 e para quem compra a franquia de bagagem faltando entre seis horas para o embarque e o fechamento do check-in paga R$ 120,00 – estes dois preços são válidos para a primeira mala despachada, com até 23 quilos.

No caso de ter de despachar uma segunda mala, para quem compra antecipadamente paga R$ 100,00 e para quem compra faltando menos de seis horas para o embarque paga R$ 140,00. Mais informações sobre as bagagens despachadas estão disponíveis no site da Avianca.

Gol

Na Gol, os passageiros que compram as tarifas Promo ou Light (que têm os preços mais baixos praticados pela empresa) pagam R$ 60,00 pela primeira mala despachada – o preço sobe para R$ 120,00 se o pagamento for feito no aeroporto.

No caso de ter de despachar uma segunda mala custa R$ 100,00 se esse serviço for adquirido antecipadamente ou R$ 140,00 se for pago no aeroporto. Mais informações sobre as bagagens despachadas estão disponíveis no site da Gol.

Latam

Para voos realizados no Brasil, o preço da Latam para o despacho da primeira mala de até 23 quilos é R$ 59,00 (compra feita até três horas antes do embarque) e R$ 120,00 (compra com menos de três horas de antecedência ao voo).

Quando se tem uma segunda mala despachada, o valor sobe para R$ 99,00 (compra feita com antecedência) e R$ 140,00 (pagamento com tempo inferior a três horas para a realização do voo). Mais informações sobre as bagagens despachadas estão disponíveis no site da Latam.

Passaredo

As regras da franquia de bagagem da Passaredo para voos nacionais são as seguintes:

Tarifa Light: não incluída
Tarifa Basic: uma peça de 23 quilos
Tarifa Plus: uma peça de 23 quilos
Tarifa Top: duas peças de 23 quilos cada

Mais informações sobre as bagagens despachadas estão disponíveis no site da Passaredo.

aeroporto afonso pena
Aeroporto Afonso Pena (Foto: Divulgação/Infraero)
Fiscalização em outros aeroportos

Além do Aeroporto Afonso Pena, a medida da Associação Brasileira das Empresas Aéreas, será adotada em mais 14 aeroportos, por etapas. Nesta primeira etapa, nos aeroportos de Brasília, Campinas e Natal, o período de orientação aos passageiros vai até o dia 24 de abril.

Na segunda etapa, nos aeroportos de Belo Horizonte, Fortaleza, Recife, Salvador e Belém, o período de orientação aos passageiros começa no dia 17 de abril e vai até o dia 1º de maio.

Na terceira etapa, nos aeroportos de Goiânia, Porto Alegre, Congonhas (em São Paulo), Galeão e Santos Dumont (no Rio de Janeiro), o período de orientação aos passageiros começa no dia 24 de abril e vai até o dia 12 de maio.

Na quarta etapa, nos aeroportos de Salvador e Guarulhos (em São Paulo), o período de orientação aos passageiros começa no dia 8 de maio e vai até o dia 22 de maio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.