Cartão do EstaR em papel deixa de valer já na segunda-feira, dia 11

Na próxima segunda-feira, dia 11 de maio de 2020, o motorista que estacionar em uma das vagas do EstaR em Curitiba e usar o cartão de papel estará sujeito a multa. Afinal, a partir de domingo, dia 10 de maio, os cartões em papel caem em desuso em Curitiba e poderão ser trocados por créditos do aplicativo do Zul EstaR Digital até o próximo mês, no dia 10 de junho, na sede da Urbanização de Curitiba ou nas Ruas da Cidadania.

Assim, a partir do dia 11 de maio, o EstaR Digital passa a valer de forma exclusiva, modernizando de vez o estacionamento regulamentado da cidade. A operação foi facilitada para o usuário, que agora pode estacionar com mais comodidade e segurança, sem depender de intermediários.

Após comprar créditos antecipadamente, a utilização do aplicativo Zul EstaR Digital necessita apenas poucos segundos para ativar o estacionamento, sem a necessidade de retornar ao carro para prorrogar o tempo de permanência, se necessário. Tudo isso traz comodidade na experiência em estacionar, além de também reduzir o impacto ambiental da impressão de milhares de talões de papel que seriam utilizados uma única vez e, depois, descartados no lixo.

Em termos de segurança, as vantagens do aplicativo passam, sobretudo, pela rapidez e facilidade na utilização – e consequentemente no tempo de deixar o veículo, o que também reduz a chance de eventuais assaltos que poderiam ocorrer enquanto se preenchia manualmente o talão impresso.

Prevenção ao novo coronavírus

Em tempos de distanciamento social, o uso do aplicativo também vem ajudar. No modelo anterior, onde havia o talão impresso, a única forma de estacionar era através da compra física do bloco de EstaR com terceiros.

No modelo eletrônico essa exigência não existe mais, já que tudo pode ser feito rapidamente pelo motorista, sem interação próxima com outras pessoas. O motorista consegue regularizar rapidamente o veículo na vaga de estacionamento regulamentado, direto pelo próprio celular.

Outra vantagem importante do modelo presente no aplicativo Zul EstaR Digital é o fracionamento da hora a cada quinze minutos, evitando assim que seja pago por uma hora cheia mesmo permanecendo na vaga poucos minutos.

O motorista pode cadastrar também quantos veículos desejar, o que traz bastante flexibilidade. Os créditos no aplicativo Zul podem também ser adquiridos com o meio de pagamento que for mais cômodo para o usuário: boleto bancário, cartão de crédito, débito, carteiras digitais Apple Pay e Google Pay, além de transferência bancária.

Solução corporativa

Utilizado por mais de 24 mil empresas em todo o país, a plataforma corporativa do Zul Digital oferece uma solução exclusiva para pessoas jurídicas que possuem frotas de veículos. A gestão dos créditos é feita de maneira centralizada, o que traz bastante visibilidade de toda a operação.

Contas associadas a um CNPJ podem ativar o estacionamento de um número ilimitado de veículos. O aplicativo permite visualizar o histórico de uso de todos os veículos cadastrados, exportando relatórios mensais de utilização.

Para ter acesso à solução corporativa da plataforma, as empresas devem se cadastrar no aplicativo e em seguida utilizar a função “Possuo uma frota” que está presente no menu do aplicativo.

O aplicativo já recebeu mais de 80 mil avaliações positivas em todo o país e pode ser baixado nas lojas Apple Store e Google Play.

Mobilidade Curitiba

A redação do Mobilidade Curitiba é responsável pela produção de conteúdo sobre a mobilidade urbana de Curitiba e Região Metropolitana. Deseja entrar em contato conosco para enviar informações, sugestões de pauta ou anunciar? Envie um e-mail para contato@grupopln.com.br ou envie uma mensagem para o nosso Whatsapp.

4 comentários em “Cartão do EstaR em papel deixa de valer já na segunda-feira, dia 11

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.