Terminal Tatuquara ganha forma com avanço das obras

366
Obras Tatuquara
Foto: Pedro Ribas/Secretaria Municipal de Comunicação Social
Publicidade

O novo Terminal Tatuquara está ganhando forma. Nesta terça-feira, dia 11 de agosto de 2020, com a estrutura metálica pronta e a celeridade dos serviços de pavimentação e nas edificações, o local dá a percepção de obra em nível avançado de execução.

A previsão da Secretaria Municipal de Obras Públicas, que coordena o trabalho, é de que o 24º terminal da Rede Integrada de Transporte Coletivo de Curitiba fique pronto até o fim deste ano.

Na área de 3,4 mil metros quadrados, neste momento, está sendo feita a preparação para a montagem das formas metálicas para concretagem do pavimento, a implantação das calçadas internas em paver, do piso de acabamento da plataforma e o acabamento das edificações que compõem o novo terminal. Também acontece a continuidade do fechamento lateral do local com chapas metálicas.

Publicidade

“Nas últimas semanas, avançamos bastante com a infraestrutura elétrica e hidráulica, o arruamento do Terminal Tatuquara e ainda foi feita a nova calçada em paver da parte lateral margeada pela Rua Presidente João Goulart. Aliás, estamos também com obras de pavimentação na Rua Presidente João Goulart. Serão 2.345 metros de asfalto novo para melhor atender o trânsito de ônibus e veículos dos moradores da região”, disse Rodrigo Rodrigues, secretário municipal de Obras Públicas.

Obras Tatuquara
Foto: Pedro Ribas/Secretaria Municipal de Comunicação Social
Obras Tatuquara
Foto: Pedro Ribas/Secretaria Municipal de Comunicação Social

A nova estrutura de transporte público terá acessos pelas ruas Olivardo Konoroski Bueno e Jornalista Emílio de Zola Florenzano.

O terminal vai permitir que ônibus de Araucária, Fazenda Rio Grande e de todos os bairros que compõem a Regional Tatuquara (Campo de Santana, Caximba e Tatuquara) tenham lugar para fazer a integração. Não será mais necessário que passageiros se desloquem até o Pinheirinho, pois irão direto pela Rua Presidente João Goulart para a Linha Verde e, daí, ao Centro de Curitiba.

O investimento total no terminal é de R$ 8,2 milhões e o espaço oferecerá estrutura de apoio aos passageiros, como bicicletário com 108 vagas, vestiários e lanchonetes.

Dez linhas, entre elas Rio Bonito, Dalagassa, Pompeia, Janaína, Santa Rita, Rurbana e Tatuquara terão o novo terminal em seu itinerário. Linhas troncais que farão a futura integração com estações estratégicas da Linha Verde – para a ligação direta ao Centro e integração metropolitana – também passarão pelo terminal.

Obras Tatuquara
Foto: Pedro Ribas/Secretaria Municipal de Comunicação Social
Estágio dos trabalhos

O andamento dos trabalhos de construção do Terminal Tatuquara está no seguinte estágio:

– Fundações e estruturas concreto: 100% concluídas;
– Estrutura metálica: 100% concluída;
– Pavimentação interna: 75% concluída;
– Serviços de alvenaria nas edificações: 100% concluídos;
– Serviços de acabamento nas edificações: 70% concluídos;
– Infraestrutura elétrica e hidráulica: 90% concluída;
– Serviços de drenagem: 80% concluídos;
– Fechamento lateral com chapas metálicas: 60% concluído.

Obras de pavimentação

As obras de pavimentação da Rua Presidente João Goulart começaram no dia 7 de agosto. Os serviços estão sendo executados em duas etapas, sendo que a primeira compreende o trecho entre as ruas Antônio Zanon e Albor Pimpão de Almeida.

Na sequência será feito a partir do cruzamento com a Rua Albor Pimpão de Almeida e seguirá até a esquina com a Rua Marcos Bertoldi.

Os trabalhos alcançarão ao todo 2.345 metros de extensão e devem ser concluídos em 30 dias. Além das obras de pavimentação, a via está passando pela implantação de tubos que irão compor um novo sistema de drenagem.

A intervenção acontece na esquina com a Rua Jornalista Emílio Zola Florenzano, em frente a uma das entradas do futuro Terminal Tatuquara.

Nova praça

Em junho deste ano, foi inaugurada a Praça Vovô Vitorino, o novo espaço para prática esportiva e lazer do Tatuquara. O local fica próximo à Rua da Cidadania, à Unidade de Pronto Atendimento e ao terminal que está em construção.

Instalada no ponto de encontro das ruas Presidente João Goulart e Jornalista Emílio de Zola Florenzano, a nova praça conta com quadras de futebol, vôlei e basquete e parquinho. Para facilitar e proteger esportistas, crianças e demais frequentadores, o local é cercado por alambrados de cinco metros de altura. A praça também foi bem iluminada para permitir seu uso durante a noite.

O nome da praça é uma homenagem a Vitorino Xavier. Natural do distrito de Congonhas, Norte do Paraná, ele foi pioneiro do Jardim da Ordem e do Tatuquara. Deixou marcas na região pelo trabalho social que fez.

Publicidade

2 COMENTÁRIOS

  1. Está certo as obras são importantes,mas poderiam dar uma olhada mais ruas próximos do terminal que não tem asfalto ainda,”rua de chão de pedras” minha rua davenir marques viana,se tivesse que passar uma ambulância hoje não teria condições.choveu ontem está toda destruída.ao invés de tirar o asfalto que já tinha nas ruas do terminal poderia ter pavimentado muitas ruas próxima ao terminal.poderia ter sido dividido o investimento para onde não tem asfalto ainda.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui