Aplicativo Curitiba 156 oferece serviços e informações sobre o transporte coletivo

Com o aplicativo Curitiba 156, lançado no final de março, os passageiros podem fazer o bloqueio do Cartão-Transporte, consultar o extrato completo do crédito de passagens e ainda ver no mapa da cidade a localização em tempo real das 250 linhas de ônibus, os itinerários delas, horários e outras informações sobre os ônibus.

Dentro do aplicativo Curitiba 156, basta clicar no ícone Meu Ônibus para aparecer as funcionalidades. Se a opção for Itinerário das linhas, o sistema traça rotas para o cidadão, informa as linhas em tempo real próximo ao ponto exato do caminho em que está o ônibus.

Um ícone aparece acima do nome da linha selecionada mostrando se ela tem acessibilidade e ainda se aceita apenas Cartão-Transporte, além de estimar o tempo do trajeto. Outra vantagem desse aplicativo em relação a outras plataformas como o Google Transit, por exemplo, é que o Meu Ônibus mostra para o passageiro todos os pontos de parada da linha selecionada ao longo do trajeto.

curitiba 156 itinerário
Itinerário da linha
Origem e destino

O aplicativo Curitiba 156 usa a plataforma do Itibus da Urbs (Urbanização de Curitiba), que foi aperfeiçoada para virar aplicativo. Uma das novidades dessa nova versão é o serviço de Origem e Destino.

O cidadão digita o local onde está e o destino que deseja chegar e o aplicativo mostra quais são as opções de ônibus mais próximas do local de partida. “A opção de origem e destino não existia dentro da versão do Itibus”, explicou Vilson Kummel, gestor de Tecnologia de Informação da Urbanização de Curitiba.

curitiba 156 222 vila esperança
Linha 222 Vila Esperança em tempo real
Consultar créditos

Ainda dentro do Meu Ônibus, é possível marcar a linha mais usada com frequência em “favoritar”, facilitando uma próxima consulta. O passageiro do Cartão-Transporte pode consultar o saldo de créditos de passagem pelo aplicativo e obter um extrato simplificado dos usos do cartão.

curitiba 156 cartão
Informações do Cartão Transporte
Bloqueio e desbloqueio do Cartão-Transporte

Outra importante novidade que o aplicativo traz para o cidadão é a opção de bloquear ou desbloquear o Cartão-Transporte. Antes, para bloquear o cartão só era possível ligando para a Central 156 e, o desbloqueio pessoalmente num dos postos de atendimento da Urbanização de Curitiba. Agora, em caso de roubo ou perda do cartão o titular pode fazer o bloqueio diretamente pelo aplicativo e do contrário, também desbloquear quando reaver o cartão.

curitiba 156 tela principal
Tela inicial
Cadastro no aplicativo

Se o cidadão já tem conta no portal da Central 156 deverá ativar o aplicativo Curitiba 156 utilizando o mesmo login e senha. Se ainda não possui cadastro, será necessário se cadastrar, ativar a conta por meio de um link enviado por e-mail e depois fazer o login com CPF e senha. Os sistemas são sincronizados.

No cadastramento da identificação é possível acrescentar uma foto de perfil e incluir a leitura digital por biometria, se o aparelho celular tiver esta funcionalidade e, inclusive, fazer login pelo Facebook.

Histórico

O serviço curitibano 156 foi pioneiro no Brasil com atendimento telefônico aos cidadãos iniciado em meados dos anos 80. A partir do serviço de Curitiba os dígitos 156 passaram a ser os números de atendimento de serviços municipais de diversas cidades do País.

Além do novo canal, a Central 156 conta com atendimento por telefone, chat e portal e tem o funcionamento disponível 24 horas todos os dias da semana, inclusive feriados.

Trânsito e Transporte

– Confira os boletins e informações do trânsito de Curitiba no Twitter da Superintendência de Trânsito de Curitiba

– Consulte os horários de ônibus municipais e os boletins do transporte no site da Urbanização de Curitiba

– Consulte os horários de ônibus metropolitanos no site da Metrocard

–  Informações do Cartão Transporte e Metrocard

5 comentários em “Aplicativo Curitiba 156 oferece serviços e informações sobre o transporte coletivo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.